sábado, 5 de dezembro de 2009

(Não tão) Pequenas considerações sobre os grupos da Copa do Mundo

Após um tempo afastado do blog, estou voltando para comentar sobre o maior evento do futebol mundial, a Copa do Mundo.

Bem, após o sorteio ocorrido nesta sexta-feira podemos fazer nossas considerações, foi um sorteio muito interessante, principalmente para a nossa seleção, que após muito tempo (eu nem lembro quando aconteceu) pegou um grupo forte na primeira fase, mas guardo minhas considerações mais para frente.

Grupo A : Africa do Sul, México, Uruguai e França.

Na minha opinião é o grupo da morte. Africa do Sul como anfitriã deve causar muitos problemas e é uma exigência da população que passe para a segunda fase. Lembramos que a Coréia do Sul e o Japão passaram na Copa da Ásia, então como duvidar da Africa do Sul?
Máxico e Uruguai são times de tradição e não irão vender barato as derrotas. Apesar de terem penado nas Eliminatórias, a tradição conta muito na Copa do Mundo, e podem tentar beliscar uma classificação, ou até decidir quem se classifica.

A França é a teoricamente grande favorita do grupo. Muitos questionaram a não-participação como cabeça-de-chave no lugar da Holanda, mas coincidentemente (?) caiu no grupo com o cabeça-de-chave mais fraco. A França vai querer jogar muita bola para apagar a imagem de como se classificou para a Copa (a mão de Henry) e confirmar que a classificação foi merecida.

Meus palpites : França (1o) - Africa do Sul (2o.)

Grupo B : Argentina, Coréia, Grécia e Nigéria.

A Argentina depois de penar muito nas Eliminatórias deve ter um caminho tranquilo nesta primeira fase. Depois de duas Copas com grupos complicadíssimos (Nigéria, Inglaterra e Suécia em 2002 e eliminação na primeira fase / Costa do Marfim, Holanda e Sérvia em 2006 e classificação em primeiro lugar) não espero que los hermanos tenham problemas na primeira fase, aposto em três vitórias argentinas e muita moral pra segunda fase.

Coréia do Sul, apesar do futebol ter evoluído, eu me decepcionei bastante com a participação da Coréia em 2006, depois de uma boa copa em casa em 2002. Nao espero muito da Coréia.
Da mesma forma encaro a Grécia. Após o titulo europeu em 2004, com um time que tinha a base defensiva como ponto forte, a Grécia não conseguiu se classificar para a Copa de 2006, agora conseguiu classificar-se contra a favorita Ucrânia de Schevchenko, mas acho que a participação na Copa já é de ótimo tamanho.

Já deu pra perceber que aposto na Nigéria como segunda classificada aqui. Após fazer boas copas em 1994 e 1998, uma participação sem brilho em 2002 e da ausência em 2006, acho que a Nigéria fará valer a Copa em seu continente e com a força da torcida deve classificar neste grupo

Meus palpites : Argentina (1o) - Nigéria (2o.)

Grupo C: Inglaterra, Eslovênia, EUA e Argélia.

Já passou da hora da Inglaterra comprovar que é mais que um blefe. Apesar de grandes times nas últimas Copas, não há brilho. Apesar de cair consecutivamente nas quartas de final (2002, contra o Brasil, e 2006, contra Portugal) com o tecnico Sven Goran Eriksson, que tinha um estilo ofensivo, sempre esperavamos o grande jogo da Inglaterra que não aconteceu. Com o italiano Fábio Capello, de estilo mais defensivo, esta geração inglesa vai tentar provar, talvez pela última vez que não é só fogo de palha. Lampard, Terry, Gerrard, Beckham devem querer mostrar algo a mais nesta que pode ser sua última Copa.

Eslovênia, grande surpresa nas Eliminatórias européias, a Eslovênia vem para a Copa como um grande azarão, deixando para trás seleções com mais tradição como a república Tcheca e a Polônia, e ganhando da lider de seu grupo, a Eslováquia, fora de casa. Talvez não faça tão feio como 2002, quando saiu com três derrotas.

O vice-campeão da Copa das Confederações vem depois de uma classificação tranquila para a Copa, mostrar na África do Sul mais uma vez que a campanha da Copa das Confederações não foi por acaso. Time bem arrumado, não é um primor técnico, mas é taticamente consciente. Pode surpreender.

A Argélia já chegou no limite. Sua classificação para a Copa foi surpreendente e acho que de bom tamanho, espero uma campanha similar ao Togo em 2006, e eles nem tem um Adebayor.

Meus palpites : Inglaterra (1o) - EUA (2o.)

Grupo D: Alemanha, Austrália, Gana e Sérvia.

Alemanha é sempre Alemanha, futebol burocrático e poucos gols. Devoção tática e jogadores com boa técnica. Classificação certa, talvez com algum susto. Austrália surpreendeu em 2006 quando classificou no grupo do Brasil e vendeu caríssimo a derrota para a futura campeã Itália por 1x0 nas oitavas. Espero uma equipe que vai lutar pela classificação.

Gana com seus jogadores em grandes clubes europeus deve mostrar um grande futebol, assim como em 2006, quando classificou para as oitavas contra o Brasil, mas foi surpreendido por um gol logo no início e jogando sem o maestro Essien.

Sérvia traz a classe da antiga Iugoslávia a Copa. Desta vez sem Montenegro como em 2006, e com jogadores de bom nível como Stankovic, Vidic e Ivanovic, se classificou em primeiro no grupo da França. Pode surprrender.

Meus palpites : Alemanha (1o) - Gana (2o.)

Em breve, colocarei aqui minha considerações sobres os grupos E a H.

2 comentários:

PedroSPFC disse...

Pra mim, esse grupo do Brasil não está tão mole, mas tem gente exagerando!

Portugal, apesar da história, não estará em sua real forma.Além de Coréia do Norte não dar trabalho para ninguém.Se jogarmos o que jogamos na copa das confederações, nós passamos da fase de grupos fácil fácil.

Passa lá no meu blog: http://newsofspfc.blogspot.com/

Leo disse...

Pra mim o do Brasil é o grupo da morte. No grupo A, a África do Sul é a Coréia do Norte deles. É anfitriã mas a seleção é péssima! E França, México e Uruguai não estão no mesmo nível de Brasil, Portugal e Costa do Marfim. Já o grupo mais baba é o da Itália, sem dúvidas.